domingo, 30 de outubro de 2016

Qual o jogador que chegará ao Porto?

F.C.Porto: Durante o mês de Junho, o Porto e o São Paulo acordaram a transferência do defesa central, Maicon. Neste negócio ficou acordado que os azuis e brancos tem direito a receber 6 milhões de euros mais dois jovens jogadores do emblema brasileiro, cada um avaliado em 3 milhões de euros por 50% do passe. Nas negociações defeniu se, ainda, que os dragões podem escolher os atletas que lhes interessam mais até ao final deste ano civil, mas que as duas entidades desportivas têm de ter unanimidade na decisão. Metade do processo já está concluído, uma vez que, nesta janela de transferências, o lateral esquerdo, Inácio mudou se para o Dragão, atuando na equipa secundária dos portugueses. Por isso, falta apenas escolher o segundo elemento que vai rumar à cidade invicta e é nesse sentido que vamos escrever sobre alguns potenciais atletas do clube canarinho. É conhecimento de todos que o campeonato brasileiro, todos os anos, está recheado de jovens talentos que todos os dirigentes e treinadores pretendem ter nas suas equipas. Desse modo, o São Paulo não é diferente dos outros e ,por conseguinte, apresenta um grupo de futebolistas promissores, como David Neres, Lyanco, Lucas Fernandes e Luiz Araújo que não teriam dificuldades em entrar no elenco portista

David Neres: Um dos talentos a ter em conta desta equipa canarinha, visto que é apontado por muitos como uma das próximas grandes estrelas brasileiras. De facto, o habilidoso extremo tem um toque de bola que o diferencia dos outros jogadores, uma vez que cada jogada que passe pelos seus pés ganha um novo brilho e um novo entusiasmo. Logo, o jovem com a sua técnica e a sua velocidade consegue meter uma " defesa em água " e criar inúmeros desiquilibrios ofensivos que colocam a sua equipa mais perto do golo e da vitória. Por este motivo, o seu talento já não passa despercebido por ninguém e ,por isso, já soma os seus primeiros minutos na equipa principal do São Paulo, tendo encantado, rapidamente, a torcida e a critica brasileira. Com efeito, o estádio ganha um novo ânimo, quando o menino de 19 anos toca no esférico, já que ninguém consegue adivinhar o que vai sair dali e neste sentido, David Neres seria uma enorme adição ao plantel do Porto, pois acrescentava magia e irreverência ao ataque da formação comandada por Nuno Espírito Santo.

Lyanco: O defesa central é uma das principais promessas do emblema paulista e, este ano, já conta com mais de dez partidas no Brasileirão, realçando assim a sua imensa qualidade como " zagueiro ". O internacional esperança pela Sérvia está a ser disputado pela federação dos " balcãs " e pela confederação brasileira, o que comprova bem o seu potencial. Para além disso, tem sido dos jogadores que o Porto mais interesse tem mostrado e recentemente foi apelidado de " craque " pelo reconhecido treinador argentino, Marcelo Bielsa. Basicamente, Lyanco tem tudo para se tornar num central top mundial, visto que apresenta características positivas, tanto a defender, como a atacar. Por um lado, evidência uma enorme segurança defensiva, dado que é imponente no desarme, raramente se deixa bater no duelo individual e é forte no jogo aéreo. Por outro lado, é útil no periodo ofensivo, uma vez que é uma ameaça constante nos lances de bola parada, demonstra uma técnica assinalável para a sua posição e sabe construir jogo de uma forma lúcida e segura. Deste modo, olhando para o setor de defesas do Porto, o jogador poderá transformar se numa figura crucial na equipa portuguesa, isto é, numa referência, pois tem todas as qualidades para ser " o patrão " que faz falta aos azuis e brancos.

Lucas Fernandes : Mais um grande talento oriundo das " bases " do São Paulo é este médio de 19 anos, Lucas Fernandes. Caracterizado pela imprensa brasileira como um médio bastante completo, o centro campista tem como pontos fortes a sua boa técnica individual, a intensidade que oferece a cada lance da partida, a sua capacidade de passe e o seu trabalho defensivo em prol do coletivo e por estes motivos consegue desempenhar na perfeição a posição 6 e 8. Desta forma, o futebolista é comparado pela  " torcida "canarinha a Hernanes, outra referência paulista, atualmente na Juventus, pela sua forma discreta de jogar e a sua classe e elegância demonstrada a cada período do seu jogo. Assim, Lucas poderia substituir, num futuro a curto prazo, o papel de Héctor Herrera, no meio campo portista e tornar se num box-to-box interessante. Por agora, a sua maior preocupação é recuperar bem da sua lesão e tentar voltar ao nível que se estava a exibir antes do infortúnio que sofreu.

Luiz Araújo: Outro grande talento do São Paulo é este avançado de 20 anos que já " goza " de um certo estatuto dentro da estrutura do clube e no seio dos adeptos. De facto, o jovem é daqueles jogadores que encanta e impressiona qualquer amante do futebol, pois tem uma enorme facilidade de deixar para trás o seu opositor fruto do seu drible e da sua velocidade impressionante. Com efeito, Luiz tem uma grande confiança em si próprio e por essa razão não tem medo de partir para cima dos defesas vezes sem conta, que se lhe concedem algum espaço, ele concerteza irá provocar estragos rumo à baliza contrária. De igual modo, a " nova jóia " paulista é muito versátil , podendo realizar todas as posições do ataque e é dono de um " tiro " fácil e forte, que lhe permite criar várias ocasiões de finalização. Por estes motivos, L. Araújo já é seguido por alguns dos melhores clubes europeus, como o Manchester United, uma vez que possuí todas as condições para singrar na Europa, e em Portugal, certamente, fará estragos e encaixava que nem " uma luva " no sistema tático do Porto, visto que no momento ofensivo com a sua velocidade e o seu arranque colocará muitas dificuldades aos adversários e daria a profundidade que muitas vezes os dragões exploram, através de passes longos , quer dos centrais, quer dos laterais. Apesar destas qualidades, o atacante é algo débil no que toca a defender, ou seja, não exerce muita pressão, nem ajuda a fechar espaços, sendo este o seu aspecto mais negativo.

Em conclusão, o VerdadeDesportivaa360 tem consciência que muito dificilmente o segundo jogador passará por um destes 4 futebolistas, aqui analisados, uma vez que a diretoria do São Paulo tem noção dos milhões que estes jovens podem atingir e, por esta razão, não será fácil convencer os brasileiros a deixar seguir um dos quatros para a cidade invicta. Por isso, o negócio, certamente, envolverá outro nome da formação paulista ou o clube brasileiro será obrigado a pagar mais 3 milhões de euros, em dinheiro.

domingo, 23 de outubro de 2016

Momento da Semana: Golo de Kevin Prince Boateng ( com vídeo )

Este domingo, fica marcado pela excelente jogada do golo de Kevin Prince Boateng, ao serviço do Las Palmas. Num excelente momento coletivo, o ganês concluiu da melhor maneira, realizando um pontapé acrobático, após uma assistência que não fica nada atrás do remate do ex Milan. Apesar da derrota frente ao Villarreal, o Las Palmas pode retirar da partida uma jogada para mais tarde recordar. Desta forma, deixamos o vídeo para quem quiser assistir ao momento mágico, desta semana.

Vídeo do golo :

sexta-feira, 21 de outubro de 2016

Borussia Dortmund: A Base do Futuro

Borussia: Nos últimos anos, o conjunto alemão tem nos habituado apresentar equipas cheias de jovens talentos que jogam de uma maneira atrativa, ofensiva e demolidora. Vários são os nomes, que ultimamente passaram por aquele clube e por lá conquistaram os seus espaços no mundo do futebol. Craques, como Gotze, Hummels, Reus, Kagawa, Sahin, Mkhitaryan, Lewandowski, Gudongan, entre outros, são exemplos da aposta jovem e ganhadora que o emblema germânico tem incutido com sucesso, nas últimas temporadas, primeiro sob o comando de Klopp e agora sobre a orientação de Tuchel. Esta fórmula eficaz já originou várias alegrias aos torcedores do Dortmund, visto que já puderam vibrar com duas Bundesliga, uma final da Liga dos Campeões e uma Supertaça da Alemanha. Deste modo, os dirigentes do Borussia sabem muito bem o caminho a seguir e por isso não se desviam da sua politica de contratações, isto é, adquirir atletas de tenra idade com uma margem de progressão enorme e com um grande compromisso de trabalho. Assim, o atual, vice campeão alemão tem nas suas fileiras inúmeros futebolistas que enquadram, nesse perfil traçado. Com efeito, é fácil consultar o plantel dos alemães e observar um número de jogadores promissores com uma média de idades abaixo dos 23 anos, ou seja, Weigl ( contratado ao Munique 1860 ), Raphael Guerreiro ( Lorient ), Ousmane Dembélé ( Rennes ) , Erme Mor ( Nordsjaelland ), Christian Pulisic ( PA Classics, em juvenis ), Felix Passlack ( RW Oberhausen, em iniciados) e Matthías Ginter ( Freiburg ). Além destes jogadores mais reconhecidos, o Dortmund também tem nos seus quadros mais promessas de grande valor, isto é, Orel Mangala ( Anderlecht, em juniores ), Mikel Merino ( Osasuna ), Dario Scuderi e Dzeni Burnic ( ambos da sua formação ). Do primeiro grupo de atletas, vários jovens já são internacionais pelos seus países, inclusive o português Raphael Guerreiro que já é campeão europeu por Portugal, e por esse motivo já têm uma certa experiência e ambição, nos maiores palcos do futebol. Desta maneira, partimos para uma análise individual dos jogadores, caracterizando os pelas suas principais qualidades.
Weigl: Após ter sido uma surpresa, na época passada, o internacional pela Alemanha continua a sua afirmação, no conjunto amarelo. Dotado de uma excelente técnica, capacidade de passe e senhor de uma visão de jogo só ao alcance dos melhores, Julian é fundamental para pautar os tempos de jogo da equipa de Tuchel, assumindo se como um verdadeiro patrão/ organizador daquele meio campo. Por fim, é lhe reconhecido a tranquilidade e o sentido de posicionamento que apresenta nas variadas partidas, sendo considerado, por isso, um pilar nos momentos de equilíbrio da formação de Dortmund.
Raphael Guerreiro : o internacional português foi adquirido ao Lorient por 12 milhões de euros, esta temporada. O esquerdino consegue evidenciar se, uma vez que possuí uma técnica, drible, velocidade, remate e cruzamentos ao nível dos melhores da sua posição. Efetivamente, é um fenómeno atacar pela ala, mas também é muito sólido a defender, exercendo grande pressão e capacidade de desarme sobre o adversário, permitindo lhe ser pouco batido nos lances individuais. Apesar de ser um defesa esquerdo de origem, Guerreiro, também pode atuar como extremo e centro campista, posição que tem alinhado mais vezes na sua aventura germânica
Dembélé: Depois de ter sido a grande revelação da liga francesa, do ano passado, ao serviço do Rennes, o francês transferiu se para a Alemanha por uma quantia a rondar os 15 milhões de euros. Seguido por vários tubarões, o Dortmund antecipou se a toda a concorrência e conseguiu fechar um negócio incrível para o seu lado. O número 7 dos pupilos de Tuchel trouxe energia, irreverência, velocidade, magia e dinâmica ao ataque. Facto que é visível em todas as partidas em que participa. Por esse motivo, Ousmane tem se transformado numa das figuras da equipa e promete ser um dos principais jogadores da Europa, nas próximas épocas. Desta forma, o extremo gaulês está na corrida pelo prestigiado prémio " Golden Boy ", que premeia os melhores jogadores jovens atuar nos campeonatos europeus com menos de 21 anos.
Emre Mor : O turco é mais um grande valor, que o Borussia tem o prazer de ter ao seu serviço. Podendo atuar na ala e no meio campo, como médio interior ou a "10 ", o internacional pela Turquia é dono de uma excelente técnica individual, de uma criatividade acima de média, de uma boa meia distância, de um bom drible e de uma progressão com bola em velocidade, permitindo lhe " queimar barreiras " em campo que ajudam a trazer a equipa para frente e assim construir um enorme caudal ofensivo, que se traduz em oportunidades de golo constantes. Este ano, " o pequeno mago " do Dortmund promete fazer junto de Reus, Gotze, Dembélé, Schurrle, Kagawa e Aubameyang um ataque demolidor da " Bundesliga ".
Pulisic: O norte americano que esteve perto de ingressar no F.C.Porto, realizou a sua estreia pelo conjunto alemão com apenas 17 anos de idade. Considerado a maior promessa do futebol dos E.U.A, Pulisic tem como grandes virtudes a sua capacidade de passe curto e longo, a sua maturidade em jogo que ajuda o a ter um grande sentido de posição e de pressão ao homem da bola e por fim a intensidade que imprime no esquema da equipa. Além destas qualidades, Christian, também, possui uma boa finalização e uma assinalada organização de jogo, denotando o como um médio bastante completo e equilibrado. Por isso, o centro campista tem tudo para se assumir como o próximo patrão do futebol do Dortmund.
Passlack: Outro valor emergente que esta equipa possuí é o jovem lateral, que mostra uma impressionante personalidade e caráter na sua maneira de  jogar, que se compara como a dum futebolista veterano. Sem acusar a pressão, o novo produto das escolas do Borussia acrescenta segurança do lado direito da defesa, já que apresenta uma excelente leitura de jogo, o que faz prever na sua cabeça o movimento ofensivo que o atacante pretende executar. Mas não é só no momento defensivo que Felix evidencia a sua maturidade em campo, pois também assegura a no processo atacante, dado que através da sua progressão com bola consegue transformar aquela ala, numa verdadeira locomotiva ofensiva. Por fim, outra característica reconhecida, neste defesa, é a sua resistência e energia, visto que aguenta sem preocupações os 90 minutos.
Ginter: o " mais velho " desta lista é outro elemento de grande potencial pertencente ao emblema alemão. Contratado, em 2012, ao Freiburg, o central de 22 anos, por ser um elemento com algumas épocas de casa, já tem um certo peso dentro do balneário. Com uma personalidade e liderança muito vincada, o jogador denota uma classe e uma elegância inegável nas partidas em que atua. Com um sentido de
Onze Base 
posicionamento e de desarme incrível, o internacional germânico consegue conciliar este trabalho defensivo a uma facilidade no inicio do processo de saída de bola para o ataque. Outra das suas características demonstradas é a sua polivalência, uma vez que pode jogar tanto no centro, como no lado direito e no lado esquerdo. Assim, Ginter é um dos jogadores mais utilizados e admirados pelo técnico do Dortmund.
Após esta breve análise sobre as principais promessas da equipa, é hora de verificar o onze base de Tuchel, nos últimos três encontros, e provar que muito destes atletas já não são apenas projetos para longo prazo, mas sim certezas do presente que fazem sonhar com um futuro bastante risonho e promissor.
Em conclusão, é notória a imensa matéria prima, que o Borussia dispõem no seu plantel. Um dos melhores conjuntos , em termos de potencial/idade, do mundo. Neste momento, há jogadores que já se destacam mais do que outros, mas brevemente irão aparecer mais nomes no Signal Iduna Park, como Mikel Merino e Burnic que são jovens, que qualquer adepto do futebol deverá manter na sua base de dado ou " debaixo de olho".

domingo, 16 de outubro de 2016

Momento da Semana : Hattrick de André Silva pela Seleção Nacional ( com vídeo )

No passado dia 10 de Setembro de 2016, o avançado do Porto brilhou ao serviço de Portugal, no encontro contra as Ilhas do Faroé , marcando 3 dos 6 golos da vitória portuguesa. Com este hattrick histórico, André Silva tornou se o jogador mais novo de sempre a registar três tentos numa só partida com a "camisola das Quinas ". Desta forma, o futebolista já conseguiu registar o seu nome na história do futebol português e em três partidas pela formação vencedora do Euro2016, já leva 4 golos na sua conta pessoal

Vídeo dos golos :


sábado, 8 de outubro de 2016

Jogadores a seguir na Liga Portuguesa ( Parte 2)

Pedrinho ( Paços ) : O ex jogador do Freamunde chegou esta época ao clube da Mata Real, numa transferência a " custo zero " muito polémica, visto que rescindiu com o emblema da segunda liga por alegar salários em atraso ( algo que o Freamunde nega ) e foi logo parar ao seu arqui-rival, Paços de Ferreira. Apesar de toda esta confusão à sua volta, o médio de 23 anos nunca se desviou dos seus objetivos de carreira e desde que chegou aos castores assumiu se, como peça fundamental no onze de Carlos Pinto. Deste modo, Pedrinho é, atualmente, um dos indiscutíveis do meio campo pacense e é na posição 8, que o jovem tem brilhado, nos relvados, devido à grande intensidade que oferece à partida, à pressão que exerce sobre o adversário, ao seu posicionamento em campo, que aliado a uma boa meia distância, transporte de bola e colocação de passe tem feito do futebolista português uma das surpresas iniciais do campeonato nacional.
Welthon ( Paços ) : O jogador contratado a um clube brasileiro denominado Remo pelo Paços de Ferreira, tem sido uma das principais estrelas do conjunto pacense. Após um inicio de época tímido por parte do conjunto de Carlos Pinto, o extremo canarinho tem sido um dos obreiros do sucesso ofensivo que a equipa tem alcançado, visto que revela uma velocidade e força com bola impressionante, mas também apresenta bons argumentos de concretização de oportunidades e sabe explorar muito bem as costas da defesa, o que aumenta as hipóteses do Paços de realizar rápidas transições de ataque. Por estas características, Weilton é um extremo que se destaca, nas partidas e por esse motivo, já e conhecido, como o " Hulk da Mata Real ", pelas parecenças físicas e modo de jogar, dos dois futebolistas.
Rafa soares ( Rio Ave ) : O defesa emprestado pelo Porto ao Rio Ave, é considerado uma das grandes promessas do futebol português para a sua posição. Sob o olhar atento do " scouting " dos dragões, que esperam poder contar com Rafa para os próximos anos, o jovem de 21 anos carateriza se por ser um " lateral moderno ". Ou seja, é rápido, é bom a defender, dado que apresenta uma boa solidez defensiva e dificilmente se deixa ultrapassar no 1 vs 1e é excelente atacar, uma vez que evidência grande facilidade e qualidade no drible, na movimentação atacante e no momento de tirar cruzamentos. Desta forma, o internacional jovem por Portugal é um dos talentos a seguir, nesta edição da Liga Nos.
Hamdou Elhouni ( Chaves ) : O extremo líbio tem como principais qualidades: a irreverência que traz às partidas, a velocidade com que agita e desiquilibra as equipas contrárias e a técnica que mete os defesas em alvoroço atras dele. Neste momento, o ex Santa Clara não conta com o estatuto de titular, mas sim de suplente utilizado, visto que Jorge Simão olha para o futebolista, como alguém capaz de trazer frescura e vivacidade ao ataque do Chaves. Deste modo, Elhouni é um jovem com um potencial considerável e que pode aspirar a voos mais altos, uma vez que contém características interessantes, no seu jogo e por esse motivo é mais um " craque " a despontar, no nosso futebol.

 João Amaral ( Setúbal ) : Após varias épocas, nas divisões secundárias portuguesas, o medio/ala português, João Amaral, conseguiu chegar à Primeira Liga, aos 25 anos, pela porta do Vitória de Setúbal. Um jogador que se tem revelado muito útil à equipa de José Couceiro, dado que mostra um trabalho coletivo que permite aos sadinos manter o equilibrio defensivo, no período de transição defensiva. Além da ajuda sem bola que oferece à formação sadina, o ex Pedra Rubras também consegue acrescentar qualidade no momento ofensivo da equipa, uma vez que cria desiquilíbrios com a sua técnica e velocidade. Deste modo, João tem sido um elo de ligação , entre a defesa e o ataque. Por fim, o futebolista sadino tem sido um dos atletas em destaque no Setúbal, pois tem sido titular em todas as jornadas ocorridas, tendo mesmo já marcado um golo, na Liga Portuguesa.

Walter González ( Arouca ) : Ao serviço do Arouca, desde de janeiro, altura em que chegou a Portugal proveniente do Olimpo, o avançado paraguaio estreou se frente ao Porto, no Dragão, marcando, os dois golos que garantiram a vitória histórica para os arouquenses. Walter é um jogador que pode atuar em todas as posições do ataque, devido às suas notórias qualidades com e sem bola. Deste modo, é fácil de analisar que o número 95 da equipa de Lito Vidigal é um jogador de grande mobilidade, muito forte nos movimentos atacantes, explosivo com bola, bom finalizador, lutador, com uma técnica assinalável e defensivamente consegue pressionar defesas sozinhas pela sua intelegência de jogo. Desta forma, o avançado é um dos destaques da liga e já viu o seu nome associado a clubes, como Sporting e Hamburgo

terça-feira, 4 de outubro de 2016

O Escândalo que aterroriza o futebol inglês ( Conheça o processo )

Momento Mediático: Este mês, de Setembro, ficou, claramente, marcado pelo escândalo desportivo que descambou, em Inglaterra. Um acontecimento que apanhou de surpresa o mundo de futebol, mas mais concretamente os adeptos ingleses, pois muitos, ainda, não querem acreditar nos jogos de bastidores que ocorrem fora das quatro linhas. Esta autêntica bomba que assombra, atualmente, o futebol britânico foi lançada pelo jornal " The Telegraph " que durante alguns meses realizou uma investigação, que apanhou algumas das personalidades mais mediáticas do futebol de "terras de nossa majestade ", num esquema de corrupção. O plano consistiu gravar, em vídeo, inúmeros encontros entre um grupo de investidores asiáticos ( jornalistas disfarçados ) e várias figuras do " desporto rei ", que em troca de uma quantia monetária facilitavam a entrada de jogadores, que em condições normais não conseguiam obter a licença de trabalho para jogar, no campeonato inglês, ou forneciam informações para contornar as rígidas regras da FA ( Federação Inglesa ) para a contratação destes mesmos futebolistas.
O primeiro alvo, desta operação, foi o selecionador inglês, Sam Allardyce, que a troco de uma quantia a rondar os 465 mil euros, prometeu alguns conselhos aos empresários, para que estes conseguissem contornar as normas sobre as partilhas de passe de jogadores, visto que em Inglaterra é obrigatório aos clubes serem donos de 100% do passe do atleta, e assim lucrarem com as transferências dos desportistas. Após, esta história ter vindo a publico, " Big Sam " foi despedido do cargo que ocupava e ficou com a sua reputação " na lama ". Apesar desta revelação, o diário informativo não ficou pelo ex técnico dos " três leões " e durante a ultima semana avançou com mais três nomes para cima da mesa, ou seja, Massimo Cellino , dono do Leeds, Jimmy Flood Hasselbaink, ex jogador de clubes, como Chelsea, Atlético de Madrid, Boavista e atualmente a treinar o QPR e por fim, Tommy Wright, ex treinador adjunto do Barnsley. O primeiro elemento referido, é gravado numa reunião com os suspostos investidores a disponibilizar cerca de 20% das ações do seu clube e a relatar conselhos , como fintar o regulamento da FA a troco de um montante monetário. Já o segundo, é filmado a aceitar as condições do grupo asiático, isto é, adquirir futebolistas do grupo para o seu conjunto de trabalho com o propósito de receber uma compensação económica, na ordem dos 65 mil euros. Já Tommy Wright é apanhado a negociar com os repórteres, atletas do seu e de outros clubes que podem ser comprados pela falsa empresa de investimentos após um suborno oferecido ao ex número 2 do Barnsley. De igual modo, Erik Black, treinador adjunto de Claude Puel no Southampton, sugere que a melhor forma de angariar jogadores era através de subornos sobre os funcionários dos clubes, tal como aconteceu com os outros membros referidos no artigo.
Desta forma, este acontecimento tem provocado grande perplexidade nos britânicos que têm assegurado uma resposta agressiva e eficaz sobre os acusados, mas este caso promete não ficar por aqui, uma vez que o jornal responsável por toda esta operação já anunciou que existem mais pessoas que verão o seu nome " em cheque " pela comunicação social, nos momentos adequados.Por fim, é retratado, neste artigo, a atual situação catastrófica do desporto inglês.

O vídeo que relata as negociações, entre Sam Allardyce e o falso grupo de investidores:






sábado, 1 de outubro de 2016

Equipas a seguir : Vitória de Guimarães

Vitória Sport Clube: Após um ano amargo para os vitorianos sob o comando de Sérgio Conceição, que conduziu a equipa até ao 10° lugar da Liga Portuguesa. A direção do Vitória decidiu meter "mãos à obra" e construir um elenco capaz de dignificar a camisola do clube e lutar pelos lugares europeus. Para isso, os dirigentes do Vitória concretizaram alterações cirúrgicas no plantel de futebol, mas também lidaram com alguns obstáculos. Um desses percalços, foi o pedido de saída do treinador, Sérgio Conceição, que rapidamente foi solucionado pela direcção presidida por Júlio Mendes ao escolher um tecnico com critério e experiência de primeira liga, ou seja, Pedro Martins que protagonizou trabalhos sólidos e sastifatórios, quer no Marítimo, quer no Rio Ave. Com a entrada do novo chefe de equipa, Pedro Martins e Júlio Mendes passaram a trabalhar na preparação do plantel, isto é, nas suas entrandas e nas suas saidas . Como é habitual, nos conjuntos de trabalho com menor fulgor financeiro, as alterações na equipa são sempre significativas e esta janela de mercado não foi exceção para os lados da terra de D.Afonso Henriques. Deste modo, jogadores, como Dalbert ( Nice ), Cafú ( Lorient ), Otávio ( Porto ), Henrique Dourado ( Fluminense ), Bouba Saré ( sem clube ) e Lica ( Nottingham Forest ), que conseguiram alcançar protagonismo com a camisola do Guimarães, abandonaram o conjunto vimarenense. Para superar estas perdas, o Vitória teve de ir ao mercado e conseguiu ter uma abordagem muito positiva, visto que contratou jogadores de qualidade reconhecida do nosso campeonato a " custo zero ", como foi o caso de Rúben Ferreira ( Marítimo ) e de João Aurélio ( Nacional ). Outro modelo utilizado para obter futebolistas de qualidade foi o empréstimo, dado que negociou com sucesso as cedências de Marega ( Porto ), Hernâni ( Porto ), Prince ( Atalanta ), Nolan Mbemba ( Lille ) e Bernard ( Atlético de Madrid ). Juntando a estas contratações, o Guimarães, ainda, aproveitou oportunidades de negocios, claramente, vantajosos, tal como foi a de Rafael Miranda ( Ferroviária ), a de Marcos Valente ( Benfica ), a de Tiquinho Soares ( Nacional ) e a de Diego Teixeira ( Sivasspor ). Apesar, deste grande numero de aquisições, o técnico Pedro Martins, ainda, teve espaço para promover os atletas João Pedro, Raphinha e Cafú Phete que atuaram na equipa B, na última temporada.Concluindo o dossier das transferências, o Guimarães formou um plantel, de acordo com as ideias do seu novo treinador, que após o inicio da pré época começou logo a implementar os seus métodos de trabalho na equipa, impondo um sistema de jogo fixado no 4-2-3-1, que pode ser variado por um 4-4-2. Esta equipa
Onze Base do Guimarães
apresenta uma grande personalidade dentro de campo e evidência uma solidez defensiva enorme, já que tenta asfixiar o adversario com uma pressão alta e não concede espaços no seu meio campo. Assim, Pedro Martins montou uma formação muito compacta e rigida, em termos táticos. Para essa pressão funcionar, é preciso uma concentração e rigidez tática de nível elevado, com especial destaque para a dupla do meio campo, ou seja, João Pedro e Rafael Miranda, que juntos coordenam a pressão exercida sobre a formação contrária. Já no processo ofensivo, este Vitória é caracterizado por manter uma boa circulação de bola, mas tenta principalmente penetrar o campo contrário com transições rápidas, levadas a cargo pelos alas e avançados que tentam encontrar o adversário em contra pé. Deste modo, jogadores, como Raphinha, Marega, Hernani sao fundamentáveis, neste sistema de jogo. Em suma, o emblema do Minho pratica um futebol atrativo, prático e de grande mobilidade, sendo por isso, das formações em destaque, neste inicio de campeonato.

Plantel Completo: